Garanhuns, 14 de julho de 2007
  Início
  Colunas
  Opinião
  Política
  Cidade
  Geral
  Cultura
  Sociedade
  Ed. Anteriores
  Expediente
 
POLÍTICA
 

Inocêncio Oliveira visita nascente do Una

Acompanhado do deputado Alberto Feitosa, da ex-prefeita de Arcoverde, Rosa Barros, do vereador Sivaldo Albino (PPS), do ex-vereador Gedécio Barros, do empresário Claudino de Souza (Dudu) e de um pequeno grupo de assessores, o deputado federal Inocêncio Oliveira (PR), visitou na última sexta-feira a nascente do Rio Una, que fica na divisa dos municípios de Capoeiras e Caetés. Na oportunidade, o parlamentar conversou com pessoas da região, tomou informações sobre a situação do rio no local e defendeu projetos de preservação da natureza e das fontes de água natural.

"Minha preocupação é sobretudo com o desmatamento na área desse rio", afirmou Inocêncio, espantado diante da informação de que o Una não corre a partir da nascente há cerca de dois anos, dependendo muito dos invernos. "Eu gostaria de ver os rios caudalosos em todo lugar, como acontece por exemplo lá em Palmares", completou o deputado.

O parlamentar do PR esclareceu que já esteve visitando a nascente de outros rios pernambucanos, como o Ipojuca, o Ipanema, o Moxotó, o Pajeú e o Capibaribe. Em todos os locais, encontrou problemas ligados ao desmatamento, ao desleixo do homem com os rios, a partir do lugar em que eles começam a correr.

Segundo informações do ex-vereador Gedécio Barros, em alguns locais o deputado tem comprado um pedaço de terra, nas nascentes do rios, com o objetivo de plantar árvores e assim dá sobrevida a esses cursos d´água. "Saneamento básico e água são essenciais. Quem gastar um real nesses setores está economizando três reais em saúde", garantiu Inocêncio.

Ele lembrou que o grande desafio do mundo moderno vai ser o abastecimento d´água, uma vez que dentro de poucos anos a população mundial será superior a oito bilhões de pessoas. "Existe muita água, mas apenas 11% dela é potável", ressaltou o parlamentar do Partido da República.

Em Capoeiras mesmo, nas proximidades da nascente do Rio Una, Inocêncio foi informado pelo agricultor João Gonçalo, com quem conversou bastante, que todos os poços perfurados no Sítio Barrote (local visitado) e proximidades deram em água salobra, de má qualidade.

Da visita ao Rio Una participaram também o vereador capoeirense Edgar Rodrigues e o seu irmão, Nilson, presidente do Sindicato dos Trabalhadores Rurais. O parlamentar e o líder classista recepcionaram o deputado federal na sede do Sindicato, quando foi servido um lanche aos que estavam presentes.

No final de sua visita a Capoeiras, acompanhado por Dudu, Inocêncio foi entrevistado por Ernandes Oliveira e Sulipa, na Rádio Comunitária Jovem Cap, que tem grande audiência na cidade e zona rural do município.