Garanhuns, 30 de junho de 2007
  Início
  Colunas
  Opinião
  Política
  Cidade
  Geral
  Cultura
  Sociedade
  Ed. Anteriores
  Expediente
 
GERAL
 

Processo democrático marca escolha de Conselho em São Bento do Uma

Criado há seis meses por força de lei federal, o fundo que vai fiscalizar a aplicação de recursos na área de educação (Fundeb), ganhou uma característica política especial em São Bento do Una por causa da escolha dos 10 membros que o compõem. A grande maioria dos municípios brasileiros apenas está cumprindo o que legislação prevê, ou seja, indicando os nomes dentro do prazo legal, sem dar muita importância ao processo de escolha. No caso de São Bento do Una, as entidades ligadas à área educacional realizaram ampla discussão dos nomes e até votação direta.

Os dez nomes foram indicados à Secretaria de Educação, que não teve ingerência no processo, no dia 9 de junho. Com natureza contábil, o Fundeb - Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais de Educação - veio substituir o antigo Fundef. Esse só repassava recursos federais às prefeituras para tocarem o ensino fundamental, de primeira a oitava séries. Hoje, o Fundeb engloba toda a educação básica, ou seja, também os alunos de educação infantil (de 4 e 5 anos de idade), que só em São Bento do Una são 1.238 crianças. Ao todo, o município tem cerca de 11 mil alunos.

"Foi um processo diferenciado, uma característica da nossa administração. O processo de escolha dos representantes das categorias no conselho foi democrática. Isso nos orgulha e vai dar muita transparência na aplicação dos recursos", comemorou o prefeito Padre José Aldo Mariano da Silva. Os membros do conselho terão um mandato de dois anos. Ele é composto por um professor, um funcionário administrativo de uma escola, um diretor (esses, indicados pelo sindicato dos servidores), dois representantes dos alunos das escolas municipais, dois pais de alunos (indicados pela comissão das unidades escolares), um representante do Conselho Municipal de Educação, um do Conselho Tutelar e um da Secretaria de Educação do Município.