Garanhuns, 2 de junho de 2007
  Início
  Colunas
  Opinião
  Política
  Cidade
  Geral
  Cultura
  Sociedade
  Ed. Anteriores
  Expediente
 
CIDADE
 

Diocese realiza mais uma festa de Santo Antônio

A Diocese de Garanhuns realiza, de 1 a 13 deste mês de junho, a 221ª Festa de Santo Antônio, padroeiro da cidade. Da programação constam missas, terços, novenas, leilão e procissão pela ruas centrais, com participação nas pregações de sacerdotes de diversas paróquias da região. À frente das festividades estão os padres Aluízio Santos e Marcelo Protásio, este último vigário geral da Diocese.

Como nos outros anos, a cada dia haverá uma temática diferente, sendo homenageados os radialistas e jornalistas, as comunidades, a família e os namorados. "Queremos celebrar a festa do nosso padroeiro com fervor. Que o frio do nosso inverno seja aquecido com a nossa fé e a nossa alegria. Que Santo Antônio, o grande missionário do Senhor, esteja conosco nestes dias de fé", prega padre Marcelo, no livreto distribuído com a programação da festa.

A abertura das festividades, na sexta, dia 1, aconteceu às 12h40, com missa celebrada por padre Aluízio Coleta. Depois tivemos terço, confissões e abertura da trezena. O pregador foi padre Antônio Elias, de Iati, que falou sobre o tema "O discípulo nasce do encontro com Cristo". Neste sábado tem novena ao meio-dia, missa às 12h40, oração da tarde (18h) e celebração da trezena, às 19h30, com padre Josenildo Bezerra, de Brejão. O tema será "O discípulo cresce na comunhão com os outros".

No domingo, dia 3, missa da saúde às 8h, missa com crianças ás 10h30, oração da tarde (18h), terço antoniano (18h30 e trezena, às 19h30, tendo como tema "O discípulo é guiado pelo Espírito da Verdade". Na segunda-feira, novena de São Miguel Arcanjo, às 12h, missa com padre Valdevan Bezerra (12h40), oração da tarde (18h), terço antoniano (18h30) e trezena, às 19h30, tendo como tema "O discípulo edifica sua vida pelo Evangelho".

Terça-feira, dia 5, novena de São Miguel (12h), missa (12h40), oração da tarde (18h), terço antoniano (18h30) e trezena, às 19h30, tendo como pregador o padre Jeová Faustino, da Igreja Sagrado Coração, na Cohab II. O tema será: "O discípulo edifica sua vida pelo Evangelho". A quarta-feira será dedicada a Imprensa de Garanhuns. A programação começa às 12h com novena, depois tem a missa, às 12h40, missa de cura e libertação, às 15h, oração da tarde (18h), terço antoniano (18h30), trezena (19h30), tendo como pregador o padre Alexandre Castanha, de Angelim. O tema será "O discípulo vive da oração pessoal e comunitária".

Na quinta-feira, dia 7, Festa de Corpus Christis. O bispo Dom Irineu celebra missa às 8h, a procissão do santíssimo acontece às 15h, oração da tarde, às 18h, terço antoniano, às 18h30 e trezena com o padre Fábio Cavalcante, da paróquia de Santa Terezinha. O tema: "O discípulo se alimenta do corpo e do sangue do Senhor".

A sexta dia 8 será dedicada às comunidades. Às 12h tem a novena de São Miguel Arcanjo, missa com padre Gabriel, às 12h40, terço da misericórdia e confissões (15h), oração da tarde (18h), terço antoniano (18h30) e trezena tendo como pregador o padr Roberto Júnior, da Águas Belas. O tema: "O discípulo vive da confiança, coragem e perseverança ao Mestre".

A programação do sábado, dia 9, será dedicada a família. Começa com a novena (12h), depois a missa (12h40) com padre Antônio Carlos, oração da tarde (18h), terço antoniano (18h30) e trezena também com o Pe. Antônio Carlos. O tema: "O discípulo renuncia a tudo por amor a Cristo". Às 21h acontece o "Forró das Famílias.

Domingo, dia 10, missa às 8h, com padre Fábio, leilão (10h), oração da tarde (18h), terço antoniano (18h30) e trezena às 19h30, com padre José Augusto, de Quipapá. O tema: "O discípulo tem o jeito do Mestre". Na segunda-feira, dia 11, novena (12h), missa com padre Ednaldo Ramos, de Lajedo, às 12h40, terço antoniano (18h30) e trezena, às 19h30, com Pe. José Bento, de São Bento do Una. O tema: "O discípulo é chamado para anunciar a Boa Nova".

No dia 12, terça-feira, tem a "Bênção dos Namorados". A programação inclui a novena (12h), missa com Pe. Silvano Machado (12h40), oração da tarde (18h), terço antoniano (18h30) e trezena (19h30), com padre Silvano. O tema: "No amor entre os discípulos, a Igreja se faz presente". O encerramento da festa será no dia 13, quando acontece a "Bênção dos Devotos, Madrinhas e Padrinhos do Andor". Haverá alvorada às 6h, novena de São Miguel Arcanjo, às 8h30, missa solene com bênção dos pães, às 9h, tendo Dom Irineu como celebrante. Às 10h, a procissão de Santo Antônio.