Garanhuns, 5 de maio de 2007
  Início
  Colunas
  Opinião
  Política
  Cidade
  Geral
  Cultura
  Sociedade
  Ed. Anteriores
  Expediente
 
POLÍTICA
 

Adeilzo doa cordel ao governador e escreve carta ao Correio

Além do cordel, com os versos da chegada de Arraes no céu, Adeilzo Santos mandou confeccionar umas camisas onde reproduziu no verso a capa do folheto, com o ex-governador sendo recebido por São Pedro, e nas costas a primeira estrofe do seu pequeno livro. Cópias desse trabalho o poeta fez questão de entregar pessoalmente ao governador Eduardo Campos, quando de sua última visita ao Agreste Meridional.

Adeilzo, que é funcionário da Prefeitura de Lajedo, pretendia divulgar seu folheto e suas camisas através do Correio Sete Colinas desde o ano passado, ainda na época da campanha eleitoral. Procurou o jornal, mas foi informado do problema de saúde do editor do periódico. Recentemente, porém, pôde enviar seu material, acompanhado de uma carta que deixou emocionado o jornalista Roberto Almeida.

Abaixo, na íntegra, a carta do poeta lajedense, que já foi destaque em uma de nossas edições e também já recebeu menções diversas vezes, pelo seu trabalho, nos jornais da capital:

"Caro Roberto Almeida,

Abraços,

Estava com este trabalho, que mando-lhe em mãos, para entregar-lhe desde o ano passado. Mas, quando procurei Amanda para ser a portadora ela deu-me a notícia sobreu seu estado de saúde. Senti-me triste, porém logo veio-me o pensamento positivo que você iria sair dessa. Orei e fiquei convicto que esse obstáculo você iria ultrapassar.

Queria visitá-lo, mas falaram-me que ainda não era tempo. Você estava em recuperação. Porém, o melhor de tudo foi vê-lo na minha rua, bairro da Madalena, onde este simples poeta brejeiro deu seus primeiros passos. Foi uma dádiva para mim reencontrá-lo pronto, apto para a luta.

Você é um guerreiro. Com a escrita fez sua arma em defesa dos oprimidos, injustiçados. Principalmente do nosso Agreste. Deus te conhece muito bem. Jamais irá te abandonar.

Que Deus seja sempre seu luzeiro."

Adeilzo Santos, Lajedo, 22 de abril de 2007.