Garanhuns, 5 de maio de 2007
  Início
  Colunas
  Opinião
  Política
  Cidade
  Geral
  Cultura
  Sociedade
  Ed. Anteriores
  Expediente
 
POLÍTICA
 

Luiz Carlos diz que se uniu a Izaías porque o povo pediu

Fernando Rodolfo


A posse da nova secretária de Turismo de Garanhuns, Gabriela Valença, consolidou a aliança entre o prefeito Luiz Carlos de Oliveira (sem partido) e o deputado estadual Izaías Régis (PTB). É que a indicação da servidora foi feita pelo parlamentar petebista e acatada pelo dirigente do município. No mesmo dia em que empossou a auxiliar, o prefeito justificou pela primeira vez sua união com o antigo desafeto: "A aliança foi feita porque a população pedia tanto a mim quanto ao deputado que nós nos uníssemos", afirmou em entrevista a uma emissora de rádio local.

Presente à solenidade no gabinete do prefeito, o parlamentar agradeceu a oportunidade de ter indicado Gabriela Valença para comandar a pasta de Turismo. Em seu discurso, Izaías se mostrou bastante satisfeito e disse que a união entre ele e Luiz não é política, mas sim em prol do desenvolvimento de Garanhuns. "Estou realizando um sonho antigo que era de discursar dentro deste gabinete", afirmou o deputado. "Conseguimos chegar a um entendimento, porque Luiz Carlos é um prefeito de visão diferente", completou.

No mesmo tom, Luiz Carlos lamentou ter estabelecido a união com o deputado somente agora. "Essa união deveria ter sido firmada logo depois da minha eleição, para deixar as arestas políticas de lado", disse. Segundo ele, os adversários criticam a união entre os dois, porque pensam apenas em projetos individuais e não têm compromisso com o desenvolvimento do Município. As declarações causaram um mal estar na oposição. O ex-prefeito Silvino Andrade (PSDB), principal adversário de Luiz Carlos, preferiu não responder ao ataque, mas disse que "quem vai julgar é o povo". Já o vereador Sivaldo Albino (PPS), acredita que interesse existe mesmo é na união entre os dois. "A prova está nos cargos que o deputado indicou", disse.

O socialista Alcindo Menezes, foi duro na resposta ao prefeito. Segundo ele, Luiz Carlos fala de coisas que não se relacionam e a união entre os dois não está sendo criticada, está sendo constatada. "Esta união não é necessariamente para o bem de Garanhuns, porque até agora eles não conseguiram provar isso", disparou. Menezes disse ainda que quem tem projetos pessoais não é a oposição, porque esta não tem nem nomes postos ainda. "O que a oposição tem é propostas, coisa que Luiz Carlos não tem porque até hoje não mostrou para que veio", finaliza. Mesmo afirmando não se tratar de uma união política, o deputado Izaías Régis já declarou abertamente que vai apoiar Luiz Carlos nas eleições do próximo ano. "Não tenha dúvidas. Ele foi o melhor prefeito que Garanhuns já teve até hoje", concluiu.