Garanhuns, 15 de outubro de 2005
  Início
  Colunas
  Opinião
  Política
  Cidade
  Geral
  Cultura
  Sociedade
  Ed. Anteriores
  Expediente
 
CIDADE
 

Um Governo que incentiva a Cultura

O Governo Municipal não pára! Seja na Saúde, Educação, Infra-estrutura o trabalho vem num ritmo acelerado. E o prefeito Luiz Carlos de Oliveira, sempre à frente de todas as ações de sua equipe de Secretários, Diretores e Funcionários, mostra que um bom governo se faz com ações em todas as áreas.

A Cultura tem sido trabalhada com empenho e muita dedicação pela Secretaria de Educação, através de sua Diretoria de Cultura. E os resultados estão ai. Centro Cultural sempre movimentado, Sala do Artista criada, Confraria para reuniões de amigos, caminhas poéticas, exposições. Além é claro, do pleno funcionamento da Biblioteca Pública Municipal Luiz Brasil, que disponibiliza para todos um acervo de cerca de onze mil livro, com funcionamento inclusive a noite. Em breve, será instalada uma ilha digital, em parceria com o Banco do Brasil, onde serão implantados até dez computadores interligados a internet. Dessa forma, estarão à disposição da comunidade para pesquisa e posteriormente poderão ser oferecidos cursos de iniciação a informática.

Ao assumir a Diretoria em janeiro, o poeta João Marques redistribuiu as atividades por salas. "Nós alinhamos as amostras em um único seguimento, ocupando a parte posterior ao salão de teatro, onde constitui-se, hoje, o acervo histórico em um pequeno museu. À exposição do público visitante, fotografias antigas da cidade, documentos importantes do Município, móveis que pertenceram ao memorável Prefeito Celso Galvão e a oficina gráfica do antigo jornal O Monitor, na época pertencente ao município", explica Marques.

Foi criado ainda, um espaço exclusivo para receber os artistas de Garanhuns e região. A Sala do Artista inaugurada, em fevereiro, foi uma das inovações do atual Governo. "Essa dependência dispõe de mesas e cadeiras, piano, galeria em homenagem aos maiores artistas de Garanhuns e espaço disponível para exposições de artes plásticas", comenta Marques.

A Confraria, que é o mais novo espaço já em funcionamento, no primeiro andar do Centro Cultural, é o lugar ideal para receber artistas, pessoas gratas da sociedade, visitantes, autoridades e funcionários. É um ambiente de confraternização, recreação inserido num clima de cultura. Seu funcionamento é restrito a pauta e condições previamente acertadas. Nas noites das quintas-feiras, o Diretor de Cultura está incrementando encontro dos primeiros freqüentadores da Confraria.

Além disso, a Secretaria de Educação através da Diretoria de Cultura reestruturou toda parte elétrica do Centro Cultural, que em virtude de um curto-circuito foi danificada, possibilitando dessa forma a promoção de espetáculos em nível nacional.


Caminhadas Poéticas

Uma das primeiras ações da Diretoria de Cultura do Governo Luiz Carlos foi a realização de caminhadas poéticas. Ao som de poesias e muita música, dezenas de pessoas caminharam da praça João Pessoa em direção ao Espaço Cultural Luiz Jardim. Na chegada, muito maracatu e frevo animaram o encontro.

Ainda de acordo com o Diretor de Cultura, João Marques, com a volta do verão as caminhadas serão retomadas.


Concurso de quadrilhas

Mais uma realização da prefeitura de Garanhuns, através da Secretaria de Educação, Cultura e Esportes em seu departamento de Cultura, foi o concurso de quadrilhas. Verdadeiro show de beleza, cultura e arte. Esse foi o sentimento dos que prestigiaram as apresentações promovidas no Concurso de Quadrilhas juninas dentro das comemorações do padroeiro da Cidade, o Santo Antônio.

Neste ano, onze quadrilhas, divididas nas categorias tradicional e estilizada se apresentaram no Largo do Colunata, agradando ao público presente e diante da qualidade apresentada pelos grupos culturais, tornaram, tornando difícil o trabalho dos jurados.

O resultado final foi bastante comemorado pelos vencedores, que receberam das mãos do prefeito Luiz Carlos de Oliveira, belos troféus, confeccionados por artesãos da cidade. As campeãs na categoria tradicional foram: 1º) Tradição da Boa Vista; 2º) Flor do Mamulengo; e 3º) Fogo do Sertão. Na categoria estilizada: 1º) Grupo Cultural Cabra da Peste; 2º) Companhia Folclórica de Dança; e 3º) Leão do Norte.


12ª Mostra de Artes Cênicas foi realizada com sucesso

Com o propósito de selecionar espetáculos locais para apresentarem-se durante o FIG, o departamento de Cultura da Prefeitura de Garanhuns realizou a 12ª edição da Mostra de Artes Cênicas.

A mostra selecionou 3 (três) espetáculos teatrais um de dança, e dois na área teatral, nos segmentos adulto e infantil.