Garanhuns, 3 de setembro de 2005
  Início
  Colunas
  Opinião
  Política
  Cidade
  Geral
  Especial
  Sociedade
  Ed. Anteriores
  Expediente
 
CIDADE
 

Pólo Universitário de Garanhuns já é realidade

Com o início, neste cinco de setembro de 2005, das aulas no campus da UFRPE em Garanhuns, a interiorização do ensino na cidade passa a ser uma realidade. Depois de mais de 30 anos de luta pela implantação dos cursos de Veterinária e Agronomia no município essas duas faculdades chegaram, juntamente com as de Zootecnia e Licenciatura Superior. As aulas este ano serão no prédio do antigo Curso Nova Dimensão, com a perspectiva de que em 2006 seja construído as instalações próprias da unidade local, no terreno doado pelo Estado, ao lado da Clínica de Bovinos.

O primeiro vestibular da UFRPE em Garanhuns foi realizado o mês passado, com forte concorrência nos cursos de Veterinária e Agronomia. Participaram do concurso estudantes de todos os municípios do Agreste Meridional e também de outras regioes de Pernambuco e de Estados vizinhos. As informações da direção da Universidade é que os aprovados são em sua maioria da própria Suíça Pernambucana e cidades vizinhas.

Existe mais ou menos um consenso de que a Universidade Federal Rural irá dar um novo impulso de desenvolvimento ao município, isso a médio prazo. Serão beneficiados principalmente o comércio, os colégios das redes pública e privada, os hotéis e pousadas, bares e restaurantes, o setor imobiliário, bancos e até os meios de comunicação. É possível inclusive que a instalação de dois cinemas, anunciada para o Pólo Heliópolis, seja agilizada.

Além dos cursos da UFRPE, Garanhuns possui faculdades nas áreas de Administração, Turismo, Marketing (FAGA), Direito (FDG), Psicologia (implantado este ano na UPE) e as licenciaturas de Matemática, Letras, Pedagogia, Biologia, História e Geografia, que já funcionam há anos na FFPG, da Universidade de Pernambuco.

Há uma luta também, através do deputado estadual Izaías Régis, para que Garanhuns ganhe no próximo ano o curso de Enfermagem. Aos cursos de nível superior, irão se somar já este ano, na cidade, os cursos técnicos do Senai, que funcionarão numa unidade a ser inaugurada possivelmente ainda este mês no bairro do Magano.