Garanhuns, 30 de julho de 2005
  Início
  Colunas
  Opinião
  Política
  Cidade
  Geral
  Especial
  Sociedade
  Ed. Anteriores
  Expediente
 
ESPECIAL
 

SALOÁ

O secretário de Produção Rural e Reforma Agrária, Ricardo Rodrigues, e o presidente da Empresa Pernambucana de Pesquisa Agropecuária, Charles Jurubeba, inauguraram, no município de Saloá, no Agreste, mais um escritório do IPA em parceria com a Prefeitura local. Desta forma, já chega a 37 o número de escritórios abertos ou que tiveram os convênios renovados.

Saloá está entre os 11 municípios que apresentam baixo Índice de Desenvolvimento Humano- (IDH) de Pernambuco e que foram selecionados para receber unidades do IPA. A proposta é reforçar a prestação do serviço de assistência técnica e extensão rural na perspectiva de desenvolvimento rural sustentável. Com isso, busca-se melhorar a qualidade de vida dos agricultores de base familiar, principalmente com a produção de alimentos e incentivo ao agronegócio familiar.

Numa parceria do IPA com o Ministério do Desenvolvimento Agrário, Saloá também será contemplado com a contratação de Agentes de Desenvolvimento Rural e aquisição de veículos. "Os técnicos serão selecionados e capacitados pelo IPA para atuar como facilitadores do processo de desenvolvimento local, tendo como meio o crédito rural, cujos recursos serão obtidos com a elaboração de planos e projetos com financiamento do Pronaf", explicou o diretor de Extensão Rural do IPA, Giuberto Ramos.