Garanhuns, 2 de julho de 2005
  Início
  Colunas
  Opinião
  Política
  Cidade
  Geral
  Sociedade
  Ed. Anteriores
  Expediente
 
POLÍTICA
 

Izaías pede reforço policial para o FIG

O reforço do policiamento no Festival de Inverno de Garanhuns (FIG) foi solicitado pelo deputado Izaías Régis (PTB). O parlamentar também denunciou o crescimento da violência na cidade, onde, só este ano, foram registrados 39 homicídios. "A população está sofrendo com constantes assaltos e são poucos os casos elucidados. A atuação da Secretaria de Defesa Social é ineficiente. Até hoje, João Braga não informou o projeto de segurança para Pernambuco", declarou, para, em seguida, apresentar um Voto de Pesar à família do empresário Antônio Edson Alves de Holanda, conhecido como Edson do Cimento, assassinado durante um assalto, no dia 20, em Garanhuns.

O petebista também criticou a atuação do secretário estadual de Agricultura e Produção Rural, Ricardo Rodrigues, que, de acordo com o deputado, negou a liberação de uma área para a instalação da sede da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa), no município de Brejão, no Agreste. "O secretário alegou que o local está sendo usado pela Empresa Pernambucana de Pesquisas Agropecuárias (IPA), porém desconheço esse fato. A implantação da Embrapa beneficiaria principalmente os alunos da nova faculdade de Garanhuns e alavancaria o desenvolvimento econômico da região", lamentou.

O presidente da Alepe, deputado Romário Dias (PFL), informou que marcará uma reunião com parlamentares, representantes do Agreste e o governador para discutir o assunto. "A Casa oferece total apoio para resolver esse problema. Ele tem criado alguns problemas para o Governo e não vamos permitir que o secretário de Agricultura, que não conhece bem o sistema agrícola de Pernambuco, prejudique o Agreste ou qualquer outra região", enfatizou.