Garanhuns, 18 de junho de 2005
  Início
  Colunas
  Opinião
  Política
  Cidade
  Geral
  Sociedade
  Ed. Anteriores
  Expediente
 
COLUNAS
 

CORREIO POLÍTICO

Roberto Almeida


A QUEDA DE ZÉ DIRCEU

Zé de Dirceu foi derrubado por Valdomiro e Roberto Jefferson (PTB). Mas soube sair e no discurso de despedida pousou de vítima e paladino da justiça. Pode não ser nenhum santo, mas dá para perceber que não é um "bandido", impressão passada pelo petebista Jefferson, um aliado que o governo nunca deveria ter tido. Agora vamos torcer para que Lula aproveite a saída de Dirceu e corte na carne, como prometeu: reduza o número de ministérios e cargos de confiança, faça jus a sua biografia e dê um não aos corruptos que querem viver às custas do dinheiro público.


PERPLEXIDADE

A demissão de todos os secretários e diretores do município de São João, pelo prefeito de São João, Pedro Barbosa (PMDB), deixou a população perplexa. Das exonerações não escaparam nem dois irmãos e a própria mulher do prefeito. Mas muita gente achou necessário o "freio de arrumação" dado pelo dirigente sãojoanense.


CONSELHO

Um assessor graduado do prefeito Luiz Carlos aconselhou o chefe a seguir o exemplo de Pedro Barbosa. O peemedebista garanhuense conversaria com os secretários e demitiria todo mundo ou pediria que eles entregassem o cargo. Luiz não disse que sim nem que não à sugestão, mas reconheceu que algumas peças não estão funcionando.


EXEMPLO

Num país em que sobram denúncias de roubalheiras e mau uso do dinheiro público, o diretor de cultura do município de Garanhuns, João Marques, é um exemplo de correção no trato da coisa pública. Ele gasta metade do que ganha da prefeitura na própria repartição e até a impressora do Centro Cultural foi bancada pelo zeloso funcionário.


HONESTIDADE E DESPRESTÍGIO

A honestidade de João Marques, contudo, pode não estar servindo para muita coisa. O diretor de cultura tem sido desprestigiado no cargo, é seguidamente atropelado pela Secretaria de Turismo e por isso já avisou até pelas rádios: Se a pasta de Cultura não for criada não permanece no cargo.


MAIS APOIO

Além do apoio de Samuel Salgado (Angelim), Joseraldo (Brejão) e Zé do Leite (Saloá), Izaías Régis contará também, em 2006, com o prefeito de Caetés, Zé da Luz. Deve ter pelo menos quatro mil votos na terra do presidente.


SILVINO E AURORA

Uma hora se diz que Silvino é candidato a federal, outra hora que disputará um mandato de estadual. Isso precisa ser resolvido logo. E Aurora, que vem desempenhando bem seu papel na Assembléia, terá de sacrificar o mandato sem chance de ser julgada pelo eleitor?


IMAGEM NEGATIVA

O Jornal da Sete 1ª Edição foi às ruas ouvir a opinião do povo na rua sobre a Câmara Municipal. Durante três dias choveram críticas, ficando bastante claro que há um desgaste do Legislativo Municipal. O presidente da Casa Raimundo de Morais, Sivaldo Albino, não gostou das reportagens e acha que o trabalho foi dirigido contra ele. O vereador acredita que está sendo boicotado porque não está gastando dinheiro com a mídia.


TROCA DE ACUSAÇÕES

Incomodado com as críticas que sofreu do ex-prefeito de Capoeiras, Zezinho Borrego, o atual prefeito Nenen abriu o verbo na Marano, acusando o seu antecessor de "desonesto e velhaco". Na verdade, José Soares, o Zezinho, foi o prefeito que mais trabalhou por sua terra até hoje e, ao lado de Álvaro Tenório (já falecido), está entre os mais honestos que já passaram pelo município. Não comprou casas, nem terras, nem carros de luxo com o dinheiro da prefeitura.


DISPUTA NO PT

Dificilmente vai se evitar uma disputa no Diretório Municipal do PT de Garanhuns. O atual presidente, Méviton Araújo, é candidato à reeleição. Pedro Passos, servidor do Hemocentro, tentará mudar a executiva disputando pela oposição. O vereador Marcelo Marçal propõe o nome de Zé Ivan como nome de consenso ou pode apoiar Pedro.


ADESÃO AO PT

O vererador Cláudio Taveira, eleito pelo PMN, se filiou ao PT no dia da vinda do ministro Humberto Costa a Garanhuns. Entrou no partido pelas mãos de Eraldo Ferreira, aliado no município do deputado federal Fernando Ferro. O outro vereador petista, Marcelo Marçal, está fechado com Maurício Rands.


O FEDERAL DE BATATA

Fechado com Mendoncinha para governador de Estado, Carlos Batata (PFL?), que é candidato a deputado estadual, deve apoiar para federal Edgar Moury Fernandes. Este último é conhecido pela cara fechada e dizem ter dinheiro sobrando para a campanha política que se aproxima.


SALOÁ

Um vereador de Garanhuns disse à coluna que o novo prefeito de Saloá, Zé do Leite, está meio enrolado e a população insatisfeita. E garantiu que quem está com a bola toda no município vizinho é Carlinhos da Prata, assessor do deputado estadual Izaías Régis.


ZÉ DA LUZ

Zé da Luz vem pouco a Caetés, é verdade. Mas também tem feito mais no município de que a maioria dos outros prefeitos das pequenas cidades. Uma prova de que não adianta ficar só no gabinete, pensando que é o dono do mundo e sem tomar iniciativas concretas.


TRANQÜILIDADE

O novo secretário de Educação de Garanhuns, José Maria Leitão, chamou a atenção dos colegas durante um encontro realizado em Natal, semana passada. Enquanto os outros se preocupavam excessivamente em assistir as palestras e tentar aprender mais alguma coisa, que pudesse ser útil em seus municípios, o ex-diretor da FAGA ironizava das lições, argumentando que estas só poderiam ser utilizadas eficazmente nas grandes cidades. E ainda confessou, perante o espanto de alguns secretários de Educação de cidades da região, que estava a fim mesmo era de dormir.