Garanhuns, 23 de abril de 2005
  Início
  Colunas
  Opinião
  Política
  Cidade
  Geral
  Sociedade
  Ed. Anteriores
  Expediente
 
CIDADE
 

Livro do Raulzito será lançado em quatro cidades

"As Desventuras de Raulzito na Terra das Sete Colinas", de autoria do jornalista Roberto Almeida, já está na Gráfica e Editora Primeira Mão e tem lançamento previsto nos próximos meses em quatro cidades da região. Primeiro será em São Bento do Una, no próximo dia 28, dentro da programação dos 145 anos de emancipação política do município, que estão sendo comemorada este mês. Depois o livro será apresentado em Garanhuns, no mês de maio, em data que está sendo acertada com a presidente da Aesga, professora Eliane Vilar. Ainda em maio, o livro terá outro lançamento em Lajedo, na festa de aniversário da cidade vizinha. Por fim, "As Desventuras de Raulzito" chega a Angelim, que promove as comemorações de sua emancipação política no mês de junho.

O novo livro de Roberto Almeida reúne mais de 100 crônicas escritas entre os anos de 1999 e 2005, a maioria delas publicadas no Correio Sete Colinas, mas também com a inclusão de alguns textos inéditos. Raulzito, pseudônimo utilizado pelo autor para expor seu lado mais extroverdido, tem ao longo dos últimos anos acompanhado todos os fatos acontecidos em Garanhuns, no Agreste e no Brasil. Irreverente, desbocado e até "desrespeitoso", o colunista diz de maneira engraçada as verdades que muitos gostariam de revelar, mas escondem, por um motivo ou por outro ou questão de sobrevivência.

Os bastidores e as gafes cometidas no Festival de Inverno, as confusões da Garanheta, os problemas da cidade, os desacertos do Governo Lula, o presídio feminino que Jarbas deu de presente a Garanhuns, a ineficiência da Compesa, os horrores do Hospital Dom Moura, o besteirol da televisão brasileira, a mesmice dos programas de rádio... Nada escapa à ironia do "arremedo de jornalista", que já recebeu até ameaça de tiro e esteve para ser processado em mais de uma oportunidade, por conta de suas críticas. Praticamente todas as crônicas estão no livro, que foram revisadas e organizadas em ordem cronológica, fazendo um retrospecto do que de mais importante aconteceu na terra das sete colinas nos últimos seis anos.

Antes desse livro que será lançado nos próximos dias, o autor publicou "Árvore dos Poemas", "Um Repórter na Cidade das Flores" e "Na Terra do Presidente", os dois últimos discorrendo sobre as coisas de Garanhuns e do Agreste. "As Desventuras do Raulzito" tem apresentação de Carlos Janduy, prefácio de Ronaldo César e está sendo lançado com apoio cultural das prefeituras de Garanhuns, Lajedo, São Bento do Una e Angelim, além da Aesga/Faga e Infraero.

"É um livro leve, que chega para entreter, divertir, com uma forma de humor que leva à reflexão. Na verdade em nenhuma crônica há intenção de ofender, desmerecer ou humilhar ninguém. É quase sempre uma brincadeira, na linha do antigo Pasquim, do Casseta e Planeta, do José Teles e outros jornalistas ou humoristas mais conceituados", explica Roberto Almeida, ao comentar sua obra.