Garanhuns, 26 de fevereiro de 2005
  Início
  Colunas
  Opinião
  Política
  Cidade
  Geral
  Sociedade
  Ed. Anteriores
  Expediente
 
GERAL
 

Assessor mostra o que está sendo feito

O assessor executivo da prefeitura de Angelim, Ronildo Miranda, garante que os principais problemas que aconteceram no início do governo Samuel Salgado já estão sendo solucionados. O FPM do município foi desbloqueado depois de mais de 60 dias, os funcionários receberam seus salários e as dívidas com os fornecedores estão sendo quitadas. "Estamos normalizando o funcionamento dos trabalhos, depois deste início difícil, pela má herança que recebemos", disse Ronildo.

Segundo o assessor, programas do Governo Federal, como o Bolsa Escola, o Fome Zero, o Vale Gás e o Peti precisaram ser regularizados. Também os três postos do Programa de Saúde da Família foram colocados em pleno funcionamento, pois só um deles estava realmente atendendo a população. "No povoado Quatro Bocas, por exemplo, o PSF está funcionando normalmente, com o médico atendendo os moradores do distrito. Esse serviço não vinha sendo prestado", ressaltou Miranda.

Cumprindo uma promessa de campanha, o prefeito determinou que o transporte de estudantes do município passe a ser feito por ônibus e não por caminhão, como acontecia no passado. As aulas em Angelim foram adiadas para o dia primeiro de março, em função do bloqueio do FPM e também porque o trabalho feito pela secretaria de Educação conseguiu ampliar o número de alunos em mais de 50%. "Com o aumento substantivo do número de estudantes, não foi possível começar as aulas no dia 14 de fevereiro. Não iamos colocar os alunos nas escolas sem carteira, sem conforto", explicou Ronildo.

O assessor executivo da prefeitura destacou ainda que a coleta de lixo em Angelim melhorou, nestes primeiros meses do governo de Samuel, uma vez que está sendo feita de maneira mais prática e eficiente, com o uso de compactadores. Ele informou também que a sede da administração municipal, que atualmente não atende a demanda da população, será ampliada.