Garanhuns, 22 de janeiro de 2005
  Início
  Colunas
  Opinião
  Política
  Cidade
  Geral
  Cultura
  Sociedade
  Ed. Anteriores
  Expediente
 
COLUNAS
 

CORREIO & MÍDIA

Ronaldo César


O ANO DO TURISMO

O discurso propalado em todos os recantos de Garanhuns apontam para um tema único: Temos hoje uma boa infra-estrutura para investir no turismo mas nos falta um calendário de eventos e uma forma de investir na imagem da cidade no país que reforce o turismo durante todo o ano. Como essa iniciativa de gerar o Carnaval da Cultura e Paz da AGIHT Associação Garanhuense da Indústria Hoteleira e Turismo mostra claramente que a sociedade organizada busca criar esses meios, como o motoclube Voadores das Colinas com seu MotoFest e os Jeepeiros com sua movimentação depois do Festival de Inverno. A Garanheta também é uma festa particular e portanto, tanto quanto as outras, recebe apenas infra-estrutura por parte do poder público municipal. Ainda, a própria prefeitura sempre noticiou que realização do Festival de Inverno é do Governo do Estado, então por lógica, Garanhuns e sua prefeitura não tem hoje a iniciativa de nenhuma festa ou evento de grande porte que envolva o chamariz turístico. Com esse discurso novo que aponta para o resgate da Cultura Popular local, reconhecimento de artistas e aproximação com a imprensa, mostra-se uma nova forma de agir diante da importância do turismo como incremento econômico, podemos ter em 2005 o alavancar dessa atividade, principalmente se conseguirmos implementar um calendário de eventos, que possa "vender" Garanhuns por várias temporadas. Mas por outro lado, caso não se entenda a importância de se ouvir os vários setores da sociedade impactados pelo segmento, podemos perder essa oportunidade de efetivar a Suíça Pernambucana como uma das maiores cidades do interior do Nordeste em recepção de turistas e eventos.


15 ANOS DO GARANHUNS PALACE

Marco do turismo local, o imponente hotel da Av. Rui Barbosa está fazendo 15 anos e por iniciativa do empresário Givaldo Calado esta data não deverá passar em branco. Até junho quando teremos uma semana de atividades, um evento por mês será realizado recebendo sempre entidades representantes da sociedade garanhuense.


REESTRUTURAÇÃO DE RODOVIAS

Anunciada a assinatura do Governador Jarbas Vasconcelos para a reestruturação de rodovias estaduais. A iniciativa e o valor mencionado se torna a maior ação voltada a esse tipo de reforma. Como algumas das estradas que circundam Garanhuns estão em estado precário imaginamos que poderemos ser contemplados. Mas a principal informação é a vontade do estado em reformar a BR 423, que é federal.


ACESSOS A GARANHUNS

Na última edição do Correio Sete Colinas expressei justamente o esquecimento que passam os acessos a Garanhuns de quem vem de outras regiões, exceto quem vem da Capital, que vê uma outra história. Como recebi várias demonstrações de incentivo quanto às críticas resolvi voltar ao assunto. Aliás, o e-mail continua o mesmo, podem acessar e deixar opiniões, críticas e sugestões.


APRENDER FAZENDO

O Carnaval antecipado no calendário este ano colocou muita gente para trabalhar mais cedo nas secretarias responsáveis pela festa em várias cidades. Muitos secretários de primeira leva tiveram que aprender a fazer fazendo.


PROPAGANDA DE GARANHUNS

Na TV Asa Branca está passando um bonito comercial de Garanhuns produzido pela Hobby Vídeo, com um bonito jingle e belas imagens da cidade. Agora precisamos de um projeto, um plano que ofereça esses encantos. Ou seja, precisamos entender o que queremos e como devemos fazer. Investir para que Garanhuns seja sempre lembrada como uma cidade que precise ser visitada.


PROPAGANDA DE PERNAMBUCO

...Por falar em propaganda, o Governo de Pernambuco investe em seu povo. A propaganda começa mostrando pessoas desconhecidas dentro de um elevador e que começam a sussurrar o hino pernambucano, mostrando o contágio da alegria e como todos se irmanam quando pensam em nosso carnaval. Depois imagens de nossa festa nas ruas da capital e do interior. É muito difícil mostrar na TV uma festa que se faz povo na rua, onde a importância é a animação e que não precisa de pólos nem de uma tomada de energia elétrica, cada um faz sua festa particular.


PROPAGANDA DA BAHIA

Já a propaganda que está rodando em rede nacional do Estado da Bahia novamente investe no que eles têm de melhor como retorno de mídia, seus artistas. Alguns de imagens cansadas ou desaparecidos da mídia cedem seus lugares como ícones baianos a novos rostos, mas a idéia continua a mesma. Uma letra de amor ao estado, cantada por nomes como Margareth Menezes, Araketu, Olodum, Terrasamba e Ivete Sangalo. A Bahia criou um jeito de "vender" o estado que deu certo e continua investindo no filão. Lá eles são barristas com seus artistas...


ARTCIA

De bem com a vida, a banda garanhuense estará se apresentando no desfile do Galo da Madrugada. É um reconhecimento a uma galera que está bombando! Neste sábado o grupo estará tocando "ao vivo" no programa Entrevista Coletiva, da Estação Sat. Encontro marcado às duas da tarde.


INOCÊNCIO E O CIDADÃO DO INTERIOR

O deputado Federal Inocêncio Oliveira está desejando feliz ano novo a todos os pernambucanos em comercial de TV. No que diz há três formas de compreensão. A primeira e mais ingênua é pensar que como representante do povo ele queira apenas desejar um ano próspero a seus conterrâneos. A segunda, diz respeito de sua pré-candidatura ao governo do estado pela aliança que fez Jarbas governador. A terceira diz mais, mostra seu discurso como representante do interior, quando somos sempre preteridos pelas ações governamentais diante os cidadãos da capital. Nisso ele tem razão!


UMA QUESTÃO!!!

Por que Sete de Setembro e AGA não se unem para formar uma equipe forte representante da cidade. Até no campo administrativo teríamos um grande clube para a cidade. Os trâmites jurídicos e as animosidades são elementos que dificultam mas a vontade de oferecermos um time forte para nosso torcedor e um clube que teria um dos maiores patrimônios do estado mostrariam uma nova força do interior.


UMA CERTEZA!!!

Por um mês o bairro da elite garanhuense se chama Tamandaré.


OLHAR GARANHUNS!!!

Há três edições do Correio Sete Colinas falávamos que o asfalto de várias ruas da cidade havia aumentado consideravelmente a velocidade dos veículos, principalmente nas avenidas de acesso aos bairros, como a Duque de Caxias. Citávamos do perigo que são as ruas do bairro de Heliópolis e seus cruzamentos e como exemplo consideramos periclitante o acesso ao bairro da Liberdade pela Avenida Santa Rosa. Torcíamos que nada acontecesse mas sabíamos que era questão de tempo e que este seria a inevitável forma do poder público fazer alguma coisa. Pois bem, esse acidente veio, de uma forma triste e trágica. Beto Filho, como chamávamos, garoto de 7 anos, filho de Paula e Roberto, foi acidentado por um veículo no local e faleceu. Não sei se ali um semáforo, lombadas (que pelo novo código de trânsito são proibidas) ou simples faixas de pedestres evitariam o acidente mas sei que toda e qualquer iniciativa que vise a prevenção de acidentes é sempre importante e bem-vinda. O secretário responsável pela área em Garanhuns foi muito infeliz quando repassou toda a responsabilidade da prevenção de acidentes de crianças aos pais, mas lembramos que quando os automóveis ultrapassam os limites de velocidade urbana e fazem de algumas ruas verdadeiras pistas de corrida, os órgãos responsáveis por zelar pela cidade e seus moradores devem tratar o assunto como uma doença social e aplicar os remédios que ofereçam bem-estar


E POR FALAR NISSO...

...Já temos faixas para pedestres na área. Porém acredito que ali seria um semáforo e outro próximo ao Hospital Monte Sinai. Na Duque de Caxias também teríamos mais dois, um no início da Vila Militar e outro na região da feira pública. Na Cohab II alguma coisa precisa ser feita na Rua 39, da descida do ônibus. Na Vila do Quartel, na Avenida Bom Conselho. Entre outras.


LOMBADAS

Embora chatas, alguém tem dúvidas da eficácia das lombadas nas ruas São Miguel e Sátiro Ivo?