Garanhuns, 23 de outubro de 2004
  Início
  Colunas
  Opinião
  Política
  Cidade
  Geral
  Especial
  Ed. Anteriores
  Expediente
 
COLUNAS
 

CORREIO DOS BICHOS

Bruno Neves Wanderley


Como prometido nesta edição falaremos um pouco através de perguntas e respostas sobre como ensinarmos nossos amigos a fazer suas "necessidades " no lugar correto.

Como treinar meu cachorro a não fazer cocô dentro de casa?

Se você decidiu que vai treinar o seu cachorro a ir ao banheiro do lado de fora, existem algumas dicas que podem facilitar muito o treinamento.

Controle a ingestão de comida. Muitos donos de cachorro acham que é melhor para o cachorro ter comida disponível o dia inteiro. Na verdade esta não é uma boa prática, uma vez que você não terá controle sobre a quantidade de comida que o seu cachorro está ingerindo.

Sinais de falta de apetite serão difíceis de serem notados e o controle no excesso de peso se torna muito mais difícil. Além disso, quando se tem um filhote é muito mais difícil para ele aprender a controlar o intestino se ele tem acesso a comida durante o dia inteiro.

Evite troca constante de alimentação. Ao contrário do que muitos donos pensam, não é nada bom para o cachorro ficar dando uma "variadinha" no menu. Ao contrário de nós humanos, os cachorros desenvolvem no estômago e intestinos um tipo de bactéria específico para ajudar na digestão de cada tipo de alimento. Cada vez que nós trocamos a alimentação de nossos amigos de 4 patas, eles tem que se readaptar a nova comida e isso pode gerar diarréias ou constipação. Se você tiver que mudar de uma alimentação para outra, faça-o bem devagar, misturando a ração velha a ração nova em proporções cada vez maiores.
Ofereça comida 1, 2 ou 3 vezes ao dia de acordo com a orientação do seu veterinário. Dê um tempo para o seu cachorro se alimentar e beber sem pressa. Normalmente de 15 a 20 minutos de cada vez é o suficiente. Retire os pratos e leve-o imediatamente para passear. Lembre-se de sempre fazer muita festa para ele quando ele fizer cocô no lugar certo.

Lembre-se, não adianta corrigir o seu cachorro se você não pegá-lo no ato. Se você chegar em casa e encontrar um "presente" no seu tapete, respire fundo, limpe bem e esqueça. Sim, seu cão vai te olhar com cara de culpado, mas não é bem porque ele sabe que fez besteira.

Ele sabe que você está com raiva porque ele pode "ler" tensão na postura do seu corpo, Seu rosto e suas feições de desagrado e a sua voz "rosnando": "Quem fez isso aqui !!!", mas ele não sabe que foi pelo cocô que já está lá tem meia hora. Também nunca chame seu cão para lhe bater ou coisas semelhantes. O seu chamado deve estar sempre ligado a coisas boas, senão porque ele deveria vir? Seu cachorro não é burro! Bater, chutar, esfregar focinho no chão, ou sacudi-lo pelo pescoço podem até fazer bem para o seu stress, mais não farão bem algum para o seu amigo e a sua relação com ele. Se você pegar seu amigo no flagra, diga um não bem firme, ponha a coleira e leve-o para fora o mais rápido possível.

E lembre-se acidentes acontecem...

Desde pequeno eu levo o meu cachorro para passear na rua, mas ele só faz as necessidades em casa. Sempre que eu brigo com ele parece que ele faz de propósito: a gente sai e nada; assim que a gente chega em casa e eu viro as costas ele faz tudo no tapete. Porque o meu cachorro só faz xixi e cocô em casa?

Cachorros são criaturas que por natureza procuram fazer xixi e cocô longe da área em que eles dormem ou comem. Os prováveis motivos para o seu cachorro estar fazendo os "negócios" dele dentro de casa são:

Falta de horário regular nos passeios;

Falta de passeios suficientes (número de vezes por dia e tempo para passear);

Seu cachorro é do tipo tímido, que se intimida quando leva uma bronca muito forte.

Se seu cão nunca sabe se vai ou não passear, ou quando vai passear, fica difícil para ele se controlar e "segurar as pontas" até a hora certa. Por outro lado, se você sai com ele apenas para fazer xixi e cocô e não deixa ele passear, brincar e se exercitar tempo suficiente, ele chegará rapidamente a seguinte conclusão: "Assim que faço cocô e xixi, tenho que voltar para casa! Então é melhor eu me segurar e não fazer nada para ficar mais tempo me divertindo aqui fora!!!!".

Outra possível causa é que seu cão seja sensível a gritos e broncas (nunca bata no seu cachorro!) e toda vez que você pega ele fazendo "aquilo" dentro de casa você esfrega o nariz dele na sujeira, grita e faz o maior auê. Conclusão do cão: "Meu dono não gosta de me ver fazendo xixi e cocô. Melhor esperar até ele não estar por perto e me olhando!". (toda vez que você leva ele na rua você está por perto, não é mesmo?). Se for este o caso, procure ser mais paciente e corrija-o de maneira mais justa. Não bata e não esfregue o focinho dele na sujeira.

Se ele já tiver algum treinamento básico prévio fale firme a palavra NÃO. Coloque a coleira e leve-o para fora. Deixe ele cheirar alguns postes e quando ele fizer xixi faça a maior festa para ele. Deixe ele saber que do lado de fora é o lugar correto e que você fica muito feliz com isso. Depois de mais uma voltinha com ele antes de voltar para casa. Nunca brigue com o seu cachorro se a sujeira já estiver lá. A correção só terá efeito se o cachorro for pego no ato!

Tenho uma cadela com 2 meses de idade e todas as vezes que ela se aproxima de mim, ela faz xixi. O que fazer?

Para entender o que está acontecendo com a sua cachorrinha precisamos primeiro olhar pelos olhos do seu cão. Cachorros são animais sociais, que vivem em grupos e organizados hierarquicamente. Isso quer dizer que entre os cães existe um líder e seus subordinados, cada um ocupando um nível na hierarquia do grupo. Para a sua Labradora a sua família passou a ser a "matilha" dela e sem dúvida ela reconhece em você e na sua esposa os líderes do grupo.

Um filhote não tem controle total da retenção da urina antes de aproximadamente 5 meses de idade. Só isso já é motivo para eventuais acidentes quando eles ficam muito excitados. Uma outra razão, é que este é um comportamento absolutamente normal em filhotes quando na presença de um "cachorro" mais importante hierarquicamente. Você é o líder da matilha e como boa subordinada e filhote ela deve deixar escapar um pouquinho de urina em sinal de respeito e submissão.

Não se preocupe que isso deve passar dentro de alguns meses e sua cadela está se sentindo muito bem agindo desta maneira. A técnica de ignorá-la um pouco assim que você chegar em casa também pode ajudar a ela ficar mais calma e deixar de fazer xixi quando te vê. Fale mansamente com ela, mas evitem usar um tom de voz muito alto ou falar fininho como quando falamos com bebês porque isso vai deixá-la ainda mais excitada. Evite também gritar e brigar com ela quando estes acidentes acontecerem, pois isso pode deixá-la assustada, ainda mais submissa e os acidentes serão cada vez piores e mais constantes.