Garanhuns, 28 de agosto de 2004
  Início
  Colunas
  Opinião
  Política
  Cidade
  Geral
  Especial
  Cultura / Diversão
  Sociedade
  Ed. Anteriores
  Expediente
 
COLUNAS
 

CORREIO POLÍTICO

Roberto Almeida


APOIOS

O presidente da Câmara, Sivaldo Albino (PSDB), tem tudo pra se reeleger com folga. Está tendo o apoio ostensivo da primeira dama, Aurora Cristina, e por tabela do prefeito Silvino Andrade. Outro candidato que tem a simpatia dos que mandam na prefeitura é Zé de Vilaço, do PP.


CIÚMES

O apoio ostensivo da primeira dama a Sivaldo está deixando os outros candidatos da coligação com ciúmes. O vereador Zaqueu (PMDB), o mais votado na última eleição, já reclamou do tratamento desigual. Paulo Gomes (PMDB) também está uma fera.


ARMAÇÃO

O prefeito de uma cidade da região disse a um repórter de uma rádio local que a "armação" feita pra cima do candidato a vereador Ari, do PTB, foi muito parecida com uma arapuca que armaram pra ele no município vizinho, quatro anos atrás. "Agora vai ver se o rapaz ainda tá lá", observou o prefeito, para espanto do radialista, que ficou mais branco do que sabão Omo.


CAETÉS

O professor de história Rafael Brasil, colaborador deste jornal, liga para dar notícias da campanha em Caetés. Segundo ele a candidatura de Edinaldo Puça, do PMDB, poderá surpreender. A opinião do professor é que Zé da Luz não terá uma vitória tão tranqüila quanto pensa.


GUIAS

De parabéns os profissionais de comunicação de Garanhuns. Os programas eleitorais de rádio deste ano estão muito bem produzidos. Falo especialmente dos guias do PMDB, do PT e do PPS, já que sou suspeito para falar do programa do PTB, do qual participo. Sem ufanismo: não precisamos importar nenhum Duda Mendonça pra cá, nossa turma dá conta do recado direitinho.


GUIA II

O único guia eleitoral em que toda equipe, toda produção é de gente radicada em Garanhuns é o de Bartolomeu Quidute. Até as vinhetas produzidas no programa foram feitas aqui, pelo guitarrista Marcos Cabral e pela vocalista da banda Puro Swing.


GUIAS III

E o guia é a sensação em Canhotinho, Brejão Correntes e Capoeiras. Nas quatro cidades pela primeira vez estamos tendo a propaganda eleitoral gratuita, nas rádios comunitárias. E os profissionais da região estão dando um show: Edson Miranda e Simão (Canhotinho), Ronaldo César e Carlão (Brejão), Vando Pontes e Valdir Marino (Capoeiras), Pedro e Gil Maciel (Correntes), além de Ianara Amorim, que usa sua bela voz em Garanhuns e nas outras cidades citadas.


ATAQUES

Se nos programas de rádio o nível é elevado, sem ataques, nas caminhadas e reuniões o clima não é tão cordial assim. Numa palestra no Colégio Elvira Viana, na Cohab I, o prefeito Silvino Andrade criticou o deputado Izaías Régis. Informado que o adversário havia ´batido´, o parlamentar reagiu e num pronunciamento na Serra Branca disse o seguinte: "O prefeito de Garanhuns não é homem para falar de mim nas emissoras de rádio. O que tenho a dizer digo aberta-mente, em todo lugar. Agora, ele não tem credibilidade em canto nenhum porque é um traidor".


MARKETING

Não sei se tem a ver com o marketing, mas a informação que temos é que Álvaro Porto (PFL) ganha em Canhotinho, Jeseraldo (PSB) vence em Brejão, Dudu (PSDB) leva em Capoeiras e Ronaldo Amaral (PFL) é favoritissimo em Correntes.


MARQUETEIROS

O prefeito de Capoeiras, Nenen, optou por fazer um programa de rádio amador, sem a contratação de ninguém de fora. E criticou no guia os "marqueteiros profissionais", que estão fazendo o programa de Dudu. Segundo ele, o marketing só funciona em eleição de governador e presidente e em Capoeiras não vai dar certo. Vamos esperar pra conferir.


DONA FLOR

A prefeita de São Paulo, Marta Suplicy, foi corajosa e sincera quando abordou a questão de sua separação com o senador Eduardo Suplicy, no guia eleitoral da TV. E deixou claro que continuava amiga do ex-marido, apesar de ter casado outra vez. Mas os adversários não perdoaram: apelidaram a petista de "dona flor e seus dois maridos".


DINAMISMO

Quem disse que a política é dinâmica acertou em cheio. Quem diria que Roberto Magalhães apoiaria um dia o PT? Pois o ex-prefeito do Recife gravou um depoimento para o guia do petista João Lyra Neto, candidato em Caruaru, pedindo votos para o mesmo. Magalhães só não quer conversa com João Paulo.


MÚSICA

A melhor música de campanha política nessas eleições, pelo menos no Agreste Meridional, é a que o Nando Cordel fez pra Álvaro Porto, candidato do PFL na cidade vizinha. O "Muda, Muda Canhotinho" é um forrozinho gostoso, que contagia todos, até os adversários.


MÚSICA II

No começo da campanha o candidato do PMDB à prefeitura de Garanhuns, Luiz Carlos, estava usando como música de campanha um forró pra lá de brega, que não dizia nada. Nos últimos dias, nos carros de som e no guia do rádio começou a tocar um frevo bem legal. Melhorou uns 100%.


MÚSICA III

Graças a sua música de campanha, tocada em ritmo de xote e frevo, uma das versões usando as vozes de crianças, o candidato do PTB, Bartolomeu Quidute está fazendo sucesso com a meninada. Por onde passa os pequenos querem vê-lo de perto e abraçá-lo. Não é à toa que no guia do petebista um menino de dois anos interrompeu o depoimento da mãe para dizer, espontaneamente, "Bató-lomeu..."