Garanhuns, 25 de outubro de 2003
  Início
  Opinião
  Política
  Cidade
  Geral
  Especial
  Cultura
  Sociedade
  Ed. Anteriores
  Expediente
 
POLÍTICA
 

Partidos querem Givaldo prefeito

O PPS e o PRTB realizaram reunião conjunta para discutir, dentre outros assuntos, as estratégias daqueles partidos quanto às eleições municipais do próximo ano. Foi decidido por unanimidade de seus dirigentes que ambos os partidos estarão com o nome do Vereador Givaldo Calado de Freitas para prefeito de Garanhuns, e que tanto o PPS quanto o PRTB estarão conversando com dirigentes do PMDB, PSDB, PP, PV e outros partidos, propondo uma grande aliança política em Garanhuns com vista às eleições de 2004.

Para o ex-vereador Mauro Acioly, que é pré-candidato a vereador pelo PPS, Garanhuns vai dar um grande exemplo de maturidade política nestas eleições, a partir de seus dirigentes partidários, que saberão, na hora certa, estar unidos com uma candidatura que represente, de fato, o sentimento da população de Garanhuns que, hoje, mais do que nunca, clama por um candidato com capacidade gerenciadora, e isso significa dizer: um homem empreendedor e trabalhador. Givaldo reúne esse perfil - assegura Mauro. Ainda para o pré-candidato Mauro Acioly a chapa que reunirá o PPS e o PRTB promete um bom desempenho eleitoral, vez que, além de disputar as eleições com o número máximo de candidatos - 34 - a chapa, por si só, dispõe de excelentes nomes como o do Ex-Delegado Regional de Policia Civil, Alexandre Oliveira, o do Pecuarista Adelson Barbosa, o do Comerciante Carlos Alberto, o do Empresário Carlindo Teixeira, o do Líder Classista, Francisco Paixão, o do Radialista, Odair Júnior, o do Delegado do Ministério do Trabalho em Garanhuns, Reinaldo Soares e tantos outros.

Na mesma linha de raciocínio partem Zezé Aleixo e Augusto Basílio, também pré-candidatos, que chegam a afirmar que a chapa para vereador do PPS e PRTB com certeza vai ser a grande surpresa dessas eleições, pelos nomes de que dispõe e, sobretudo, pela combatividade de seus candidatos que, diariamente, estão em algum lugar da cidade, levando os seus nomes à população, e de seu candidato a prefeito, Vereador Givaldo Calado de Freitas.

Cauteloso, o Presidente do Diretório Municipal do PPS e Vereador Givaldo Calado de Freitas, diz que no momento não está preocupado com as especulações sobre seu nome como candidato a prefeito de Garanhuns nas próximas eleições, afirmando que o momento é muito mais para se construir uma ampla aliança política que possibilite ganhar as eleições do que se estar falando em nomes de candidatos, colocando-se, muitas vezes, companheiros em confronto com outros. Isso não ajuda - assegura. Para esse trabalho de construção estou pronto, afirma. Para em seguida dizer que só será candidato a prefeito de Garanhuns se as circunstâncias que lhe possibilitem poder construir um programa de governo ousado para Garanhuns e sua população se estabelecerem. Givaldo acredita que o encontro de líderes que acontecerá em Garanhuns no próximo dia 09 de novembro, que reunirá a população garanhuense nas instalações do Caic, será um momento bastante auspicioso para se fazer uma grande reflexão sobre o futuro da nossa cidade, vez que, segundo ele, vai reunir líderes das diversas legendas partidárias, comprometidas com o futuro da cidade, como o PPS, PRTB, PMDB, PSDB, PSB,PP e outros partidos.

Por suas vez, dirigentes do PPS locais asseguram que o pré-candidato Givaldo Calado de Freitas tem o reconhecimento da população garanhuense, sobretudo por estar sempre obtendo êxito como um grande empreendedor, tanto em suas empresas como na condução de suas atividades políticas. Por esse motivo - enfatizam - Givaldo está plenamente consciente de que somente um conjunto de medidas corretas, implementadas por uma representação popular atuante, aliada a um governo que dê continuidade a uma administração austera e eficiente, poderá solucionar os problemas que afligem o desenvolvimento e a importância do Município de Garanhuns e da Região do Agreste Meridional, pela eliminação dos deploráveis focos de desemprego, fome e doença, causas diretas da miséria em que ambos ainda se encontram. O governo Silvino de Andrade Duarte, não obstante ter o início de sua segunda administração bastante prejudicado, principalmente, pelo quadro econômico recessivo que vinha sendo apresentado, nos dois últimos anos, tanto pelo governo do Estado como pelo governo da União - continuam - vem recuperando, gradativamente, a imagem positiva de um grande administrador, retornando a obter os recursos financeiros para concluir as grandes obras em andamento e deflagrar o início de novas obras que coroarão de êxito a sua gestão de um empreendedor bastante ousado, que o torna vitorioso. Daí por que - concluem aqueles dirigentes - a sintonia cada vez mais clara entre o nosso Partido, o PPS, e o prefeito Silvino de Andrade Duarte que na hora certa saberá marchar com o nome que Garanhuns, a cada dia, elege como o seu preferido para ser o grande continuador de uma administração séria e comprometida com o futuro de nossa cidade.