Garanhuns, 21 de junho de 2003
  Início
  Opinião
  Política
  Cidade
  Geral
  Especial
  Cultura
  Sociedade
  Ed. Anteriores
  Expediente
 
COLUNAS
 

REPÓRTER DA CIDADE

Marcos Cardoso


O POVO QUER SABER I - Quando é que aparecerá outra empresa para substituir a finada Rodobraga no transporte de passageiros para os bairros da Cohab II, Bela Vista e Brasília?

O POVO QUER SABER II - Quando é que a prefeitura de Garanhuns vai mandar restaurar o busto de Pedro Cavalcante, localizado na rua que recebe o seu nome e que fica ao lado da Rádio Jornal. A cabeça foi arrancada há mais de três anos e até agora nenhuma providência foi tomada.

PASTOR AMEAÇADO - O pastor Oswaldo Nascimento, diretor da FATER em Garanhuns, disse esta semana, na Manhã Total, que já recebeu três ameaças de morte. Tudo por causa do não reconhecimento da FATER pelo MEC, fato que foi prometido ao longo dos últimos dois anos. Agora, quem pagou quer o dinheiro de volta. O pastor pede garantia de vida e diz que não é dono da FATER, apenas funcionário.

PERIGO NO TREVO - Quem conhece legislação de trânsito diz que a prefeitura de Garanhuns não poderia plantar nenhuma árvore nos canteiros do trevo do acesso leste da cidade, que ultrapassasse 30 centímetros. A lei é clara e as árvores plantadas pela prefeitura estão tirando a visão dos motoristas, podendo causar graves acidentes. A Polícia Rodoviária Federal também podia colaborar, mandando a prefeitura trocar as plantas.

PALMAS PARA ROMÁRIO - Uma posição importante do presidente da Assembléia Legislativa de Pernambuco, Romário Dias. Ele acha um absurdo a tentativa de alguns parlamentares ( inclusive Izaías Régis ) da criação de novos municípios. Acha, como realmente é, que isso funciona como um esgoto de derramar dinheiro.

PROJETO ARQUIVADO - Vai demorar mais um pouco para que os guardas municipais de Garanhuns andem de graça nos ônibus quando não estiverem fardados. A comissão responsável na câmara Municipal, resolveu arquivar o projeto do vereador Edson Pereira (PDT).

O DINHEIRO DO FESTIVAL - O Jornal do Commercio divulgou matéria, informando que este ano serão investidos 2 milhões de Reais na realização do Festival de Inverno de Garanhuns. O vereador Cacau (PTB) disse que vai pedir a prestação de contas para saber direitinho onde foi investido cada centavo do contribuinte e quanto custou a contratação de cada artista.

DELEGACIA DA POLÍCIA FEDERAL - Mesmo reconhecendo que nenhum traficante tenha sido identificado ou preso, nem informações sobre a presença de drogas pesadas em Garanhuns, representantes do Ministério Público e das polícias Militar e Civil, defenderam a implantação de uma delegacia da Polícia Federal em nossa cidade. Vale salientar também que, em relação a notícia de que Garanhuns é rota de prostituição, as autoridades policiais da cidade informaram durante entrevista na Manhã Total, que não há o registro de qualquer mulher aliciada em nosso município, nem informações sobre possíveis aliciadores de mulheres para trabalharem no exterior como prostitutas.