Garanhuns, 07 de junho de 2003
  Início
  Opinião
  Política
  Cidade
  Geral
  Especial
  Cultura
  Sociedade
  Ed. Anteriores
  Expediente
 
COLUNAS
 

COLUNA DE ULISSES

Ulisses Pinto


SEGUNDO TURNO - O senador Sérgio Zambiasi, do PTB do RS, apresentou em dias do mês passado Ementa Constitucional que obriga realização "de eleiçoes em dois municípios com mais de 100 mil eleitores, em defesa da consolidação da Democracia substantiva e não apenas formal, entre os brasileiros". Atualmente, pela legislação somente determina segundo turno, em município com mais de 200 mil eleitores.

Na justificativa do deputado gaúcho, o segundo turno "representaria, ao candidato vencedor, o apoio de maioria, e não de uma parcela do eleitorado".

Foi designado para relatar a Emenda, o senador do PMDB José Maranhão, da Paraíba, na Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania.

No caso de aprovação, Garanhuns, no próximo pleito, teria eleições em dois turnos, caso fosse preciso.

Acreditamos que pode passar essa Emenda, porém não para eleição de 2004. Aliás, como é costume de nossos legisladores, "eles" sempre deixam as matérias para depois ou são "engavetados"...


GARANHUNS - Muita conversa mole e o prefeito Silvino Duarte, sempre dizendo que pode qualquer nome surgir para apoiá-lo, "desde que seja um nome de confiança". De qualquer maneira, vamos descrever aquí nesta "coluna do meio", os "falados" para a eleição de 2004: Bartolomeu Quidute e Ivo Amaral (ex-prefeitos). Ambos são Cidadãos Honorários de Garanhuns; Jorge Branco Neto, Audálio Filho, João Inocêncio Filho, Gedécio Barros, Márcio de Barros Quirino (atual vice-prefeito), Zaqueu Naum Lins, Givaldo Calado, Paulo Camelo, João Inocêncio Guido, Carlos André (padre que não terá o apoio do bispo Diocesano e nem de outros de batina), Cid Ferreira de freitas, Luiz Couto de Oliveira (farmacêutico), o próprio Izaías Régias, eleito deputado estadual que segue a cartilha política de Armando Monteiro Neto.

Houve esquecimento nosso: o dr. João Inocêncio Filho, é Cidadão Honorário daqui da terra "onde o Nordeste garoa" (projeto do ex-vereador Paulo Gomes).

E agora, aproveitando a carruagem, surge também o nome do atual presidente do nosso Poder Legislativo. Trata-se de Sivaldo Albino.

Acreditamos e a maioria dos leitores e ouvintes (rádio), proclamam o futuro prefeito com o seu companheiro, surgirão desses nomes ventilados para o embate eleitoral de outubro de 2004.

Agora, os nomes de Bartolomeu, Izaías, Jorginho Branco, Márcio Quirino, Paulo Camelo e Audálio Machado Ramos Filho não terá guarida na lista do dr. Silvino.


VOTO FACULTATIVO - O senador Marco Maciel (PFL), está lutando com "unhas e dentes" assim como o deputado federal Roberto Freire, presidente do PPS nacional, para ser derrotada uma Emenda Constitucional que institui o voto facultativo neste país. Para Roberto Freire, "as minorias do dinheiro sairão ganhando e para o senador Maciel, o "voto de cabresto" prevalecerá com a compra de votos pelos mais ricos.


7 DE JUNHO - Nesta data, estamos completando 61 anos de vivência no jornalismo, onde iniciamos no "O Monitor", quando o mesmo pertencia a Diocese local. O acontecimento foi a 7 de junho de 1942. Tinhamos a idade de 17 anos.


EM PROL DOS POBRES - Num conclave das Nações ricas, que aconteceu no fim desta semana, Europa-França, Lula defendeu os países pobres, tendo o presidente da França, Jacques Crirac, afirmado que o presidente Lula teve atitudes "construtivas e convincentes". No planário do "falado" G-8 (sete nações ricas) e mais a Rússia, Lula sempre na linha de frente defendendo os "excluídos". Agora, ação mesmo, é difícil de acontecer, salvo para gastos de armas de guerra...


ARMANDO MONTEIRO - Ainda este mês, haverá uma reunião do seu grupo político, em Garanhuns, sobre diversos assuntos em prol deste Agreste Meridional. A sucessão naturalmente será o "prato do dia" e até a de 2006...


INAUGURAÇÕES - Na noite do dia 2 do corrente, foi inaugurado pelo prefeito Silvino Duarte, novas dependências para a prefeitura, nas antigas instalações da CAGEP. As secretarias de Saúde, Agricultura, Almoxarifado (da rua Melo Peixoto), núcleo de Assistência à Saúde, já foram tranferidas do atual Centro Administrativo Municipal para o novo. O prefeito na sua fala disse que até o fim do ano em curso, todas as secretarias estarão juntas inclusive o Núcleo de Saúde.

Muitos oradores discussaram, inclusive o dr. Silvino Duarte. Um lembrete ao chefe do executivo: que o Novo Centro continue com o nome de "Arlinda da Mota Valença". Ela foi bandeira de lutas por Garanhuns, no setor financeiro da prefeitura, professora de vários colégios, inclusive no seu "Diocesano" e nosso também. A comunidade inteira está de acordo e os vereadores também.

Não se sabe qual será o destino do atual Centro que está alugado por cinco mil reais por mês. O prédio da antiga Cgep e terrenos, foram comprados ao estado a prazão desde o ano passado, salvo engano de nossa parte.