GERAL

 

Marco Maciel defende tecnologia para agricultura

O vice-presidente Marco Maciel participou da solenidade de abertura da 3a. Reunião do Foro das Américas para a Pesquisa e o Desenvolvimento Tecnológico, e defendeu uma maior utilização da tecnologia na agricultura brasileira. O evento, que reuniu representantes de 34 países em Brasília, foi promovido pela Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária Embrapa, e pelo Instituto Interamericano de Cooperação. Segundo Marco Maciel, a Embrapa, com 30 anos de existência, é um exemplo de contribuição científica e tecnológica que deve ser estimulado para o crescimento da agricultura nacional. Para Maciel, a modernização agrícola é indispensável para o aumento das exportações e a geração de riqueza no campo.

CONVENÇÃO - O Senado aprovou a ratificação brasileira à Convenção de Nova Iorque sobre o reconhecimento e a execução de sentenças arbitrais estrangeiras. A Convenção de Nova Iorque, já assinada por mais de cem países, tem como objetivo reduzir o número de disputas levadas aos tribunais, resgatando a prática de justiça rápida e eficiente. A adesão do Brasil só foi possível graças a uma lei do então senador Marco Maciel, de 1996, que instituiu a arbitragem no país para resolver pendências comerciais e trabalhistas de acordo com os procedimentos jurídicos mais modernos existentes no mundo.

INAUGURAÇÃO - O vice-presidente Marco Maciel garantiu esta semana que a inauguração do primeiro Centro Cultural Banco do Brasil no Nordeste, em Recife, ocorrerá até o final do ano. A confirmação veio logo após encontro de Marco Maciel com o presidente do Banco do Brasil, Eduardo Guimarães. Segundo Maciel, o novo CCBB, que já tem unidades no Rio de Janeiro, em São Paulo e Brasília, irá dar uma nova dimensão à divulgação da arte e da cultura de Pernambuco e de todo o Nordeste. O CCBB Recife funcionará no bairro do Benfica, e terá um investimento de quase R$ 2 milhões.